porsinal  
AutoresListagemEspecialistas
Michelle Sousa Mussato
Michelle Sousa Mussato
investigadora
Biografia do Autor
Michelle Sousa Mussato
Michelle Sousa Mussato
investigadora

Graduada em Letras com habilitação Português e Espanhol pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Câmpus de Aquidauana (2009). Mestre e Doutoranda em Letras - Estudos Linguísticos - pelo Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Câmpus de Três Lagoas, na linha de pesquisa "Discurso, subjetividade e ensino de línguas". Integro o grupo de pesquisa "Povos do Pantanal: aspectos linguísticos, discursivos, fronteiriços, culturais e identitários" sob a coordenação da Profª. Drªa. Claudete Cameschi de Sousa. Atualmente atuo como tradutora-intérprete de LIBRAS _ Língua Brasileira de Sinais (desde 2006 em escolas estaduais e municipais) na Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, Câmpus de Três Lagoas (desde 2014). Tenho experiência em Linguística Aplicada, Análise do Discurso de origem francesa, com pesquisas desenvolvidas na perspectiva discursiva transdisciplinarizada aos estudos culturalistas, centrada em temáticas que problematizam discurso, identidade, subjetividade e processos de in(ex)clusão de surdos da etnia Terena.

×
Estatísticas de Publicação do Autor
Michelle Sousa Mussato
Michelle Sousa Mussato
investigadora
1 Artigos Científicos publicados
×

Artigos Científicos de Michelle Sousa Mussato

Como autor(a) principal

  • Resumo do Artigo Científico

    Revista The Especialist, v. 41, n. 1  •  por Michelle Sousa Mussato
    Bilinguismo para surdo. Bilinguismo para indígena. Como (deve) se configura(r) o universo linguístico de um surdo indígena?

    Ao concentrar nossos olhares na incidência das regularidades enunciativas que atravessam so dizeres do surdo Terena e como se dá essa identidade atravessada e interpelada por quatro línguas, buscamos compreender so modos de dizer nos quais são evocadas as representações do índio surdo acerca da língua/linguagem por meio dos sinais de identificação dos surdos indígenas com a pluralidade linguística em que estão imersos. Desse modo, o indígena surdo é trazido para o centro da nossa investigação por meio de entrevistas gravadas/filmadas em vídeo em língua de sinais, transcritas, na cidade de Miranda-MS, no ano de 2015. Para tanto, valemo-nos das contribuições teóricas da perspectiva discursiva, por entendermos que o discurso se constitui sobre o primado dos interdiscursos, construído, sobretudo, pela presença do o(O)utro, pela heterogeneidade, com auxílio do suporte teórico-metodológico foucaultiano, o arqueogenealógico, que vem suplementar as metodologias teóricas da perspectiva discursiva.

    ×
  • Como co-autor(a)

    Sem artigos científicos inseridos.

    Livros de Michelle Sousa Mussato

      Sem livros editados ou inseridos.
    Outros Especialistas
  • Maximina Girão Ribeiro
    Maximina Girão Ribeiro
    1 artigos científicos
  • Flávia Roldan Viana
    Flávia Roldan Viana
    4 artigos científicos
  • Joseane dos Santos do Espírito Santo
    Joseane dos Santos do Espírito Santo
    1 artigos científicos
  • Silvia Estrela Lourenço
    Silvia Estrela Lourenço
    1 artigos científicos
  • Ana Rodrigues
    Ana Rodrigues
    1 artigos científicos
  • Maria Cristina Pires Pereira
    Maria Cristina Pires Pereira
    17 artigos científicos
  • Ronice Müller de Quadros
    Ronice Müller de Quadros
    21 artigos científicos
  • Orquídea Coelho
    Orquídea Coelho
    7 artigos científicos
  • Carla Damasceno de Morais
    Carla Damasceno de Morais
    2 artigos científicos
  • Nídia Limeira de Sá
    Nídia Limeira de Sá
    3 artigos científicos
  •