porsinal  
ArtigosCategoriasArtigos Científicos
Eudenia Magalhes Barros
Eudenia Magalhes Barros
Investigadora
Estigma e processos identitrios: Um estudo sobre a campanha de Vanessa Vidal a deputada estadual nas eleies de 2010
0
Publicado em 2012
Universidade Federal do Cear, UFC, Brasil
Eudenia Magalhes Barros
  Artigo disponvel em verso PDF para utilizadores registados
Resumo

Essa pesquisa buscou compreender como ocorrem os processos de manipulação e reversão do estigma, e as diferentes estratégias utilizadas na construção de novas identidades culturais, tendo como objetivo analisar a trajetória de Vanessa Vidal, surda e estigmatizada, e as formas de reversão e manipulação do estigma dentro da campanha eleitoral de Vanessa à Deputada Estadual em 2010. A metodologia utilizada foi de cunho qualitativo, como registros em diário de campo na época da campanha, entrevistas semiestruturadas, análise dos materiais de campanha – santinho, folders, vídeos, blogs –, e pesquisa bibliográfica envolvendo as temáticas de estigma, representação, antropologia política, campo e ethos político. Percebeu-se que Vanessa Vidal buscou reverter e manipular seu estigma da surdez em suas representações coletivas dentro da campanha eleitoral, buscando adaptar-se no campo político constituído de regras próprias, agregando símbolos a fim de evocar seu ethos político, moldado através do uso das imagens e discursos em torno da suas carreiras morais de miss e militante.

Para aceder ao artigo completo, descarregue o PDF.

Comentrios