porsinal  
ArtigosCategoriasArtigos Científicos
Neuma Chaveiro
Neuma Chaveiro
Fonoaudiloga
Qualidade de vida das pessoas surdas que se comunicam pela Lngua de Sinais: Construo da verso em Libras dos instrumentos WHOQOL-BREF e WHOQOL-DIS
0
Publicado em 2011
Doutorado em Programa de Ps-Graduao em Cincias da Sade. Universidade Federal de Gois, UFG, Brasil
Neuma Chaveiro
  Artigo disponvel em verso PDF para utilizadores registados
Resumo

Introduo: A avaliao da qualidade de vida da populao surda limitada pelas dificuldades de comunicao na lngua oral e escrita, da a necessidade de desenvolver instrumentos confiveis em lngua de sinais com rigor metodolgico que inclua as caractersticas particulares do povo surdo. Dentre os traos culturais da populao surda, o que mais se destaca a lngua de sinais: alm de ser um sistema lingustico, um elemento de constituio da identidade da pessoa surda. No Brasil, garantido legalmente o direito ao surdo de se comunicar na sua lngua natural, ou seja, na Lngua Brasileira de Sinais (LIBRAS), sem imposio ao uso da lngua majoritria do pas. Essa tese de doutorado faz parte do projeto WHOQOL-LIBRAS, resultado da parceria entre a Universidade Federal de Gois, a Organizao Mundial de Sade e o Grupo WHOQOL do Brasil na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Para sua execuo o projeto WHOQOL-LIBRAS foi dividido em dois projetos, com etapas distintas, mas interdependentes: Projeto 1 Construo da verso em LIBRAS do WHOQOL-BREF e WHOQOL-DIS; Projeto 2 Aplicao/validao da verso em LIBRAS dos instrumentos WHOQOL-BREF e WHOQOL-DIS. A presente tese constitui o Projeto 1. Objetivo geral: Construir a verso em LIBRAS dos instrumentos WHOQOL-BREF e WHOQOL-DIS para avaliao da qualidade de vida da populao surda brasileira. Mtodos: Estudo transversal e exploratrio, delineado com base na Pesquisa Metodolgica. Utilizou-se a metodologia proposta pela Organizao Mundial de Sade (OMS), adaptada para populao surda, e em acordo com os critrios estabelecidos com o Grupo WHOQOL do Brasil a execuo do projeto foi dividida em 13 etapas: 1. criao do sinal QUALIDADE DE VIDA; 2. desenvolvimento das escalas de respostas em LIBRAS; 3. traduo por um grupo bilngue; 4. verso reconciliadora; 5. primeira retrotraduo; 6. produo da verso em LIBRAS a ser disponibilizada aos grupos focais; 7. realizao dos grupos focais; 8. reviso por um grupo monolngue; 9. reviso pelo grupo bilngue; 10. anlise sinttica/ semntica e segunda retrotraduo; 11. reavaliao da retrotraduo pelo grupo bilngue; 12. filmagem em estdio da verso final para o software; 13. Desenvolvimento do software dos instrumentos WHOQOL-BREF e WHOQOL-DIS na verso em LIBRAS. Resultados: Caractersticas peculiares da cultura do povo surdo apontaram a necessidade de adaptaes na metodologia de aplicao de grupos focais quando compostos por pessoas surdas. As convenes de escrita das lnguas sinalizadas no esto consolidadas, por isso encontrou-se dificuldades em registrar graficamente as etapas de traduo do Portugus para LIBRAS. As estruturas lingusticas que causaram maiores problemas de traduo foram as que incluram expresses idiomticas do Portugus, muitas das quais no tm conceitos equivalentes entre o Portugus e a LIBRAS. Ao final foi possvel construir um software do WHOQOL-BREF e WHOQOL-DIS em LIBRAS. Concluso: O WHOQOL-BREF e o WHOQOL-DIS em LIBRAS possibilitaro que os surdos, de maneira autnoma, se expressem no que respeita a qualidade de vida, o que permitir investigar com mais preciso questes de qualidade de vida das pessoas surdas. Alm disso, o WHOQOL-BREF e o WHOQOL-DIS em LIBRAS faro parte dos instrumentos de avaliao de qualidade de vida da Organizao Mundial de Sade.

Para aceder ao artigo completo, descarregue o PDF.

Comentrios