porsinal  
ArtigosCategoriasArtigos Científicos
Marianne Rossi Stumpf
Marianne Rossi Stumpf
Doutora de Informtica na Educao
Aprendizagem de escrita de lngua de sinais pelo sistema SignWriting: lnguas de sinais no papel e no computador
0
Publicado em 2005
Tese de Doutorado em Informtica na Educao (Conceito CAPES 6). Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil
Marianne Rossi Stumpf
  Artigo dispon�vel em vers�o PDF para utilizadores registados
Resumo

Esta tese trata de como o sistema SignWriting pode servir de suporte a uma nova proposta pedaggica ao ensino da escrita de lngua de sinais e letramento para crianas surdas usurias da Lngua Brasileira de Sinais - Libras e da Lngua de Sinais Francesa - LSF. Escrever deve ser uma atividade significativa para a criana. No caso da criana surda, a escrita fundamenta-se em sua competncia na lngua de sinais, sem precisar da intermediao da lngua oral. A criana surda, quando em um ambiente onde ela e seus colegas se comunicam em lngua de sinais, efetivamente tenta escrever sinais, quando incentivada a faz-lo. Em nossos experimentos, usamos o sistema SignWriting para mostrar s crianas surdas (e a seus pais e professores) como escrever textos em lnguas de sinais de ambas as formas: manuscrita e impressa, usando o programa Sign Writer para editar textos em lnguas de sinais. A base terica que apia a tese a abordagem bilnge para a educao de surdos, a lngua de sinais, a teoria de Piaget, e de Ferreiro quando trata das etapas da alfabetizao em lngua oral. Esta investigao possui um carter exploratrio, em que o delineamento metodolgico dado pela pesquisa-ao. O primeiro estudo apresenta um levantamento do processo de aquisio da escrita de sinais, em sua forma manuscrita, pela criana e jovem surdo no Brasil e na Frana. O segundo estudo trata da ajuda que a informtica pode dar a essa aquisio e de como utilizamos os softwares de escrita de lngua de sinais em aulas de introduo ao uso do computador e em transcries da LSF de corpus vdeo para a escrita de lngua de sinais. Os resultados sugerem que as crianas evoluem em sua escrita, pois muitos signos que elas escreveram no foram sugeridos pela experimentadora, nem por outro meio, mas surgiram espontaneamente. A introduo de um software como o Sign Writer ou o SW-Edit nas classes para introduzir as TI traz a essas aulas muito maior interesse do que quando usamos um editor de textos na lngua oral. Tambm as produes das crianas so mais sofisticadas. As concluses indicam que a escrita de lngua de sinais incorporada educao das crianas surdas pode significar um avano significativo na consolidao de uma educao realmente bilnge, na evoluo das lnguas de sinais e aponta para a possibilidade de novas abordagens ao ensino da lngua oral como segunda lngua.

Para aceder ao artigo completo, descarregue o PDF.

Coment�rios